MATA ATLÂNTICA – ÁREAS NATURAIS

O Museu localiza-se numa região montanhosa, com picos que ultrapassam mil metros de altitude, onde rios e córregos formam belas cachoeiras. A Mata Atlântica, ecossistema florestal primitivo dessa região, é influenciada pela umidade vinda do oceano. É uma das mais diversificadas florestas do mundo, com várias espécies de ocorrência restrita a esta região.

mata

Para pesquisas de campo o Museu dispõe da Estação Biológica de Santa Lúcia e Estação Biológica de São Lourenço (Caixa d’Água), esta última de 22 hectares, onde tem sido desenvolvida parte dos estudos sobre biodiversidade local. A Estação Biológica de Santa Lúcia (EBSL) possui laboratório de campo e casa de hóspedes para apoio à pesquisa, possui 440 hectares e é administrada pelo MBML em conjunto com os outros proprietários da área: o Museu Nacional/UFRJ e a Associação Amigos do Museu Nacional.

Visite também o Site da Estação Biológica de Santa Lúcia: www.museunacional.ufrj.br/ebsl